Antioxidantes: o que você precisa saber

Antioxidantes: o que você precisa saber

As células do organismo estão expostas ao oxigênio a cada dia. O oxigênio é importante para a nossa saúde, mas a exposição a este também produz oxidação, um processo em que os componentes químicos do organismo que se vêem modificados e tornam-se no que se conhece como radicais livres.


Conforme explicam desde o site voltado ao público geral da Academia Americana de Médicos de Família (www.familydoctor.org) a exposição a fatores ambientais, como exposição ao sol, fumo dos cigarros, o álcool e a poluição também cria radicais livres. Com o tempo, os radicais livres podem causar uma reacção em cadeia que o corpo que danifica componentes orgânicos importantes, DNA e nas células.


Algumas células podem recuperar-se do ataque dos radicais livres, enquanto que outras são danificadas de forma permanente. Os cientistas acreditam que os radicais livres podem contribuir para o processo de envelhecimento, assim como a doenças como o cancro, a diabetes e a doença cardíaca.


Os antioxidantes são substâncias naturais que podem impedir ou limitar os danos causados pelos radicais livres. O corpo humano utiliza os antioxidantes para estabilizar os radicais livres, o que evita que causem danos a outras células. No entanto, os antioxidantes podem proteger e reverter o dano causado pela oxidação até certo ponto.


O corpo produz alguns antioxidantes para combater os radicais livres formados pelos processos normais do corpo. O organismo também pode obter antioxidantes ao comer uma dieta saudável. Os exemplos de alimentos ricos em antioxidantes incluem frutas e vegetais que são ricos em nutrientes, como vitamina A, C e e, beta-caroteno, luteína, licopeno e selênio.


Algumas pessoas optam por tomar suplementos de antioxidantes, mas, para isso é melhor falar primeiro com o médico de família, já que muitos suplementos não oferecem um equilíbrio entre as vitaminas, minerais e enzimas e podem realmente ter um efeito negativo sobre a saúde, relatam os médicos norte-americanos.


Embora os alimentos que são ricos em vitamina E e beta-caroteno são muito saudáveis e podem ajudar a reduzir o risco de câncer, as autoridades sanitárias norte-americanas não recomendam tomar suplementos de vitamina E E beta-caroteno para prevenir o câncer. As pessoas que fumam ou têm um risco maior de câncer de pulmão não devem tomar suplementos de beta-caroteno, pois podem aumentar o risco de câncer de pulmão, assinalam a partir desta web oficial.


A melhor forma de tomar antioxidantes é, do ponto de vista dos médicos de família americanos, seguindo uma dieta com muitos vegetais, frutas, cereais integrais, sementes e frutos secos. A variedade também é importante, some, e se você tomar suplementos vitamínicos há que ser muito cauteloso, já que tomar muito de alguns nutrientes provenientes dos suplementos em vez de ter a sua origem na dieta, como no caso das vitaminas e e A, ou o selênio, pode ser prejudicial. Por isso, é importante falar com o médico antes de tomar qualquer suplemento de vitaminas.


AS MELHORES FONTES Alimentares


Para obter mais antioxidantes há que seguir uma dieta que inclua uma mistura saudável de frutas e vegetais e outros alimentos ricos em antioxidantes:


* A vitamina a encontra-se no leite, fígado, manteiga e os ovos.


* A vitamina C é encontrada na maioria das frutas e vegetais. As maiores quantidades de vitamina C estão em papaias (mamões), morangos, laranjas, melão e kiwi, bem como as pimentas de sino, brócolis, couves-de-Bruxelas, tomates, couve-flor e couve.


* A vitamina E pode ser encontrada em alguns frutos secos e sementes, incluindo amêndoas, sementes de girassol, amêndoas e amendoins. Outras fontes ricas nesta vitamina são os vegetais de folhas verdes como espinafre, couve e em óleos como o de soja, girassol, milho e canola.


* O beta-caroteno é encontrado em frutas e vegetais como cenoura, grão-de-bico, melão, damasco, mamão, manga, pêssego, abóbora, brócolis, batatas-doces e abobrinha. Também são alimentos ricos no antioxidante alguns vegetais de folha verde, incluindo as folhas de beterraba, espinafre e a couve.


* A luteína se encontra nos vegetais de folhas verdes como espinafre, repolho e couve, brócolis, milho, grão-de-bico, papaias e laranjas.


* O licopeno é encontrado nas frutas, rosas e vermelhas e nos vegetais como a uva tinta, a melancia, os damascos e o tomate.


* O selénio está em cereais (milho, trigo e arroz), frutos secos, legumes, produtos animais (cordeiro, peixe, peru, frango, ovos e queijo), pães e massas.

Anticorpos mostram eficácia para a prevenção do HIV

Anticorpos mostram eficácia para a prevenção do HIV

A capacidade do vírus de imunodeficiência humana (HIV), para transformar tem sido um grande desafio para o desenvolvimento de vacinas. À medida que o corpo produz anticorpos para atacar a proteína externa do envelope do HIV, esta proteína muda, frustrando a capacidade de auto-anticorpos circulantes de neutralizá-lo.


No entanto, estudos recentes provaram combinações multivalentes de três anticorpos amplamente neutralizantes, ou bnAbs, deram resultados promissores em modelos animais de prevenção do HIV. Dois investigadores da Universidade da Carolina do Norte (UCN), em Chapel Hill, Estados Unidos, descrevem o potencial dos bnAbs para fornecer informações para as estratégias de prevenção, tratamento e cura do HIV em um artigo recente publicado no “New Journal of Medicine’.


“Acredita-Se que os bnAbs são parecidos com os indicadores: indicam um caminho que pode seguir uma futura estratégia de vacina contra o HIV através da indução de bnAbs capazes de prevenir a infecção por HIV”, explica o co-autor do artigo, David Margolis, diretor do Centro de Cura do HIV da UCN.


Nenhum bnAb individual pode proteger contra todas as variantes do HIV presentes em indivíduos infectados; mas as combinações de múltiplas bnAbs proporcionam uma maior eficiência. O desenvolvimento de anticorpos multivalentes triespecíficos combina os melhores atributos de cada um em uma única molécula capaz de reconhecer e neutralizar vários vírus não reconhecidos por bnAbs individuais.


“Os anticorpos triespecíficos abrangem uma gama mais ampla de partículas virais que os anticorpos monoespecíficos e biespecíficos –diz o co-autor do artigo de J. Victor Garcia, professor de medicina na UCN–. Os anticorpos triespecíficos também podem bloquear a infecção de forma mais eficiente nas superfícies da mucosa e dentro do tecido mais profundo, assim como para neutralizar uma gama mais ampla de partículas virais”.


Os autores também detalham como os bnAbs podem mudar o tratamento do VIH e curar a investigação. Os anticorpos amplamente neutralizantes podem contribuir para o desenvolvimento da terapia anti-retroviral de ação prolongada, que seria uma alternativa atraente para as pessoas que atualmente tomam medicamentos diariamente para controlar o HIV. No campo da cura, os bnAbs poderiam ser combinados com agentes de latência para inverter e remover o vírus.


“Os anticorpos amplamente neutralizantes capazes de reconhecer as células infectadas pelo HIV podem dirigir as células efectoras para limpar o depósito latente –levanta Margolis–. No caso da bainha evasiva do HIV, três podem ser o”ideal”.

Aprenda a amar com as estratégias

Aprenda a amar com as estratégias

Na sociedade atual rainha, o défice de auto-estima, mas não tanto, porque a gente está mais decadente, mas porque tudo está voltado para o sucesso exterior, para buscar o reconhecimento, o poder, a fama, e está todo voltado para a imagem externa, em que os outros te valorizem. Tudo isso pode passar factura sobre a nossa saúde.


“Muitas vezes o caminho se nos perde a nos concentrar, o cuidar, até mesmo nós. Se quisermos empreender o caminho para um bem-estar verdadeiro, para obter o fim último de todo ser humano, é sentir-se em paz e coerente consigo mesmo, devemos ter em conta estas duas dimensões: querer e respeitar”, afirma em uma entrevista com Infosalus a psicóloga especialista em Psicologia Clínica Olga Castanyer, por ocasião da publicação de seu livro ‘eu Quero aprender… a me apreciar com franqueza’ (Desclée de Brouwer).


De acordo com precisão, a auto-estima nos dá carinho, respeito e confiança em nós mesmos. Não procuramos nos sentir por cima, nem abaixo de ninguém: “Queremos sentir que somos nós, emocionalmente independentes e com a certeza de que nos cuidamos e protegemos”.


Enquanto isso, a assertividade nos fornece ferramentas para transmitir ao nosso ambiente esta coerência e segurança. “E tem em conta em todo momento para os outros, reivindicando um respeito para conosco, mas respeitando e valorizando a vez para a outra pessoa”, diz.


Em sua opinião, a respeitar-se a si mesmo é a base, é o “sentir-se digno de si mesmo”. Mas, como a falta de auto-estima liga com a franqueza? Castanyer destaca-se que ambos os conceitos são importantes para a nossa saúde porque, se não nos queremos e não nos respeitamos a nós mesmos, não seremos capazes de nos fazer querer e respeitar uns para com os outros.


“O respeito é o mais importante para nos sentirmos dignos de ser ouvidos, valorizados, se nos respeitamos a nós mesmos sabemos nos respeitar e, então, não nos importa dizer uma opinião contrária à da maioria, que nos olha com estranheza, mesmo que seja algo que frustrado para os outros, porque nós estamos cuidando e respeitando”, afirma a psicóloga europeia pela EFPA.


De fato, defende que se nos respeitamos a nós mesmos, vemos a necessidade de velar por nós, e assim cuidamos de nossa saúde. “Quando sentimos que algo nos agride ou faz mal, mesmo corporalmente, nos angústia ou nervosa demais, entraremos meios para suavizar e enfrentá-lo. Então , se nós cuidamos de nossa auto-estima, estamos cuidando da nossa saúde. Tudo o que nos irrita ou angústia em excesso vai contra a nossa saúde, bem como todas as ações estressantes ou de grupos que nos fazem mal”, avisa a terapeuta.


Por um lado, a psicóloga aponta para o ser capaz de ouvir a si mesmo e ser respeitado. Depois, indica que há uma série de direitos assertive, que todos nós temos, mas que nem sempre respeitamos, como por exemplo o direito a ter as próprias opiniões, a ser levado a sério, a dizer não, a pedir, a mudar.


“Uma estratégia assertiva, mais interna, para si mesmo, é ter muito presente em nós mesmos, se nos criticamos muito, ou se temos direito a mudar de opinião”, indica.


Depois, encontrar-se-iam, segundo indica, as estratégias externas e as formas de dizer as coisas, de colocar limites, de responder a uma crítica. “Fazem com que se respeite a si mesmo e respeite a outra pessoa”, observa.


Com tudo isso, Castanyer lembre-se que o livro apresenta quatro estratégias de sobrevivência, que representa em quatro personagens:


A Angústia: faz-Nos conectar com o medo, reagir a ameaça fugindo ou atacando, é boa.


– Depois ‘normon’, a normativa ou ‘deverá’: O ter normas ou regras, o que é bom, porque todos nós precisamos ter segurança e acolher as regras internas ou externas; um nível exagerado teria lugar em pessoas super rígidas.


‘Critin ou o crítico’, a atitude de criticar, de autocrítica, uma estratégia de sobrevivência também porque nos faz reagir ou refletir quando houve um erro e para fazer melhor da próxima vez, mas as pessoas que se culpam ou criticam excessivamente não se beneficiam.


‘Fc porto’, o pendente, dos outros, do que dirão, da imagem: “Uma boa estratégia de sobrevivência, pois se não estivéssemos brincos um pouco dos outros, não poderíamos viver em sociedade, mas o exagero depender disso não nos beneficia.


Por outro lado, a autora resumo que há que ter esperança, otimismo e fé em que a auto-estima e assertividade são dois elementos que não vêm dados, mas que aprendemos e que, portanto, podem desaprender, reaprender, “contra-aprender” e “assim até o infinito.

Max Power Funciona? – [Não Compre Antes de Ler Isso]

Max Power Funciona? – [Não Compre Antes de Ler Isso]

Se você chegou até aqui no meu blog pelo título, provavelmente deseja saber se o Max Power funciona, certo?

Então, tenho ótimas notícias para dar: aqui você vai saber de tudo sobre o produto!

Eu juntei todas as possíveis dúvidas em volta do produto e pretendo dar as respostas, explicando uma a uma aqui neste artigo que preparei para você. Fiz o dever de casa, como dizem.

Bem, como você já deve ter notado, esse blog é meu e eu sou mulher.

Mas por que eu vou falar de algo que é para homens?

Primeiramente porque tenho a cabeça aberta e acho que todos os assuntos são relevantes, independentemente do gênero a que se aplicam.

Mas também porque muitos homens me mandaram e-mails me perguntando sobre esse produto.

Sim, principalmente depois de eu ter comentando a respeito dele em uma rede social, a minha caixa de e-mails lotou de questionamentos.

Gente, vocês estão interessados no assunto, hein?! Me surpreendi.

Não só por isso. Meu marido usa e eu já comprovei os efeitos do produto pessoalmente, se é que você me entende (RISOS).

E como esse produto é feito para os homens, quero lhe dar uma dica meu amigo de plantão: não perca tempo.

Vai ser um dos melhores favores que você vai fazer para sua parceira e, para você também, é lógico.

Após ver os resultados que meu marido teve, eu indiquei para algumas amigas.

E elas compraram ou pediram para seus parceiros encomendarem o Max Power.

Depois elas me contaram os ótimos resultados que viram em seus maridos, noivos, etc. Dá certo pra todo mundo.

Enfim, neste artigo eu vou falar tudo o que você precisa saber. E já no próximo tópico eu vou falar da minha experiência pessoal.

Tem algumas partes meio quentes, mas vai te ajudar a esclarecer muita coisa.

Então, continue comigo e não perca nada, ok? Vamos nessa!

Como o Max Power entrou na nossa vida

Eu sou casada há nada mais nada menos que 12 anos. Como o tempo passa… Parece que foi ontem e já se foi mais de uma década.

Devo dizer logo de cara que eu amo muito meu marido. Não esqueça desse ‘detalhe’ sobre o nosso relacionamento. Pois o sentimento foi uma das peças chave que nos manteve unidos mesmo em tempos difíceis.

Nem tudo são rosas e mesmo quando são, elas possuem espinhos.

http://corpomoderno.com.br/wp-content/uploads/2018/11/max-power.jpg

Há um tempo nosso casamento estava enfrentando um problema sério e, infelizmente, muito comum: a falta de sexo.

O respeito mútuo, a admiração, o amor, o carinho, o companheirismo… Tudo isso é importante para um casamento, ou qualquer outra relação amorosa entre homem e mulher.

Mas o sexo… Bem, o sexo também é de vital importância, concorda comigo?

Faz parte da natureza humana, então não me venha com moralismos.

Homem e mulher devem ter e proporcionar prazer para se sentirem completos.

Afinal de contas, é nessa hora que deixamos de lado várias coisas e nos entregamos um ao outro, dando prazer e confiança.

A intimidade do sexo é algo único, quando dois se tornam um só.

Mas chegou uma época que o Carlos (meu marido) estava com cada vez menos vontade.

De início eu tentei ser compreensiva mas a situação só piorava.

Até pensei que ele estava tendo um caso com outra pessoa.

Contudo, depois de a gente sentar um de frente para o outro e conversar seriamente, percebi que isso era paranoia minha. Ele me disse que estava enfrentando problemas de ereção e que estava com vergonha de me contar.

Tadinho… Eu imagino como foi difícil admitir para si mesmo que estava com impotência. Imagine então em admitir para mim.

https://www.revistabemestar.com.br/wp-content/uploads/2018/08/Estimulante-Max-Power-1024x539.png

Depois dessa conversa, ambos decidimos que iríamos resolver isso de uma vez por todas. Juntos.

Foi assim que pesquisamos e acabamos por conhecer o Max Power.

Max Power: qual a posologia e como tomar?

Esse é um suplemento natural, mas sou da opinião que é importante levar o tratamento a sério e seguir as instruções do laboratório. Desse jeito, os resultados são mais certeiros.

O uso deve ser feito duas vezes durante o dia. Como você já deve saber o produto é dividido em dois frascos: um de cafeína e outro de maca peruana.

https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcT2JSmpfkU72b5bOdB9QM5ItyqUVCvnz2yHcLDXSvjyeMVrx4RB

Você deve tomar uma cápsula de cafeína durante o dia e duas cápsulas de maca peruana na noite após a refeição.

Essa é a forma recomendada de se tomar o Max Power.

Max Power no Reclame Aqui

Eu sempre confiro a reputação de qualquer produto nos sites de reclamações de consumidores antes de comprá-lo de fato. Acredito que esse tipo de prática nos livra de diversas dores de cabeça que são desnecessárias.

Afinal de contas, não adianta usar um capacete elisabetano e ver só os elogios.

Precisamos também ficar de olho na críticas. E isso vale tanto para empresas, marcas, produtos e pessoas que gostamos.

Então, eu fui conferir o que andavam dizendo sobre o Max Power no Reclame Aqui.

E para minha surpresa, não havia nenhuma reclamação ou queixa de qualquer espécie registrada. Esse é um status bem raro de se conquistar por lá.

Depois disso, só confirmei o que já sabia – que o produto era realmente confiável e digno de apreço!

Situação na ANVISA:

Caso você esteja preocupado com a regularização da comercialização do produto, esse tópico foi feito exatamente para você. Ainda mais com notícias que andam rolando por aí sobre suplementos que geram problemas gravíssimos no fígado, é importante ter esse tipo de cuidado. Você está certíssimo.

Bem, o que eu tenho a dizer é que comprar Max Power funciona e que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária permite que ele seja vendido. Está tudo de acordo com a normatização vigente.

Se você quiser conferir os registros, eu vou deixar os números para a consulta:

▶ Autorização da ANVISA: sob o número 6.04.572-1;

▶ Registro no Ministério da Saúde: sob o número 6.4572.0068.001-5.

Depoimentos de outros usuários

Visto que eu não havia encontrado críticas, fiz questão de ver depoimentos de outros usuários que estavam elogiando a ação do Max Power no organismo masculino.

E olha, vou te contar… encontrei relatos muito interessantes e inspiradores.

Veja abaixo alguns casos de sucesso de pessoas que já usaram e viram o produto agindo na prática ou no ato, se é que você me entende…

É impressionante o que essas cápsulas são capazes de fazer.

E é bom saber que não somos os únicos a enfrentar problemas sexuais, bem como também encontrar um jeito de resolver eles.

Garantia de satisfação

Um outro aspecto importante é a preocupação da empresa que faz a distribuição do produto em ver seus clientes, de fato, satisfeitos.

E eles tomam medidas concretas para alcançar tal objetivo.

Nos é oferecida a oportunidade de testar as cápsulas.

O que isso quer dizer? Bem, quer dizer que você tem direito a uma garantia incondicional, ou seja, ou ele agrada ou você é ressarcido.

Se por algum motivo o tratamento não der certo e você não ficar satisfeito, não se sentirá enganada.

Isso porque todo o valor investido será devolvido para você, basta entrar em contato e solicitar o reembolso do seu dinheiro.

Onde comprar Max Power com desconto

Bem, se você chegou com a leitura até aqui, com certeza está demonstrando real interesse no produto e deseja fazer o seu pedido, certo?

Como eu disse antes, eu consegui um link promocional e exclusivo para os meus leitores.

https://www.saudedoshomens.net/wp-content/uploads/2018/08/MAX-POWER-FUNCIONA-MESMO-1024x496.png

Eu deixei esse atalho em um botão de compra no início e no fim deste artigo.

Se você clicar em qualquer um dos dois, você será remetido para a página oficial do Max Power, mas com um belo desconto, você vai ver quando acessar.

Depois é só escolher a quantidade que deseja. Eu já dei uma dica de pedir um kit com mais potes, pois são mais baratos do que comprar 1 pote separadamente toda vez. Quer ver só:

▶ Kit básico: 1 pote com 60 cápsulas = sem desconto algum

▶ Kit intermediário: 3 potes totalizando 180 cápsulas = 50% de desconto

▶ Kit ideal: 5 potes totalizando 300 cápsulas = 60% de desconto

▶ Kit avançado: 10 potes totalizando 600 cápsulas = 70% de desconto

O primeiro kit, acho interessante somente para fazer o teste e usufruir da garantia. O segundo kit é o mais vendido, pois sai pela metade do preço. O terceiro kit sai ainda mais barato e foi o que o meu marido escolheu na segunda vez que encomendamos.

Agora, para ser bem honesta, nenhuma oferta bate o quarto kit que é o avançado.

Ele tem o maior desconto e é ótimo para dividir com um amigo.

De qualquer forma, o Max Power funciona e você não vai querer ficar sem ele, é ou não é verdade?

Então escolhe logo a melhor oferta que atenda aos seus anseios.

Cuidado com a pirataria!

Devido ao sucesso que o produto está tendo e às promoções irresistíveis do site oficial do Max Power, tem gente tentando ganhar dinheiro fazendo imitações baratas e sem qualidade do produto oficial.

Tome cuidado com a pirataria!

Jamais compre em sites como o Mercado Livre, OLX, Americanas, entre outros e-commerces.

Até porque é somente no endereço da marca que você terá a garantia dos resultados que eu mencionei anteriormente.

Considerações para finalizar…

Chegamos ao final da publicação, que foi feita com todo o carinho e esmero para você.

Espero que este artigo tenha sido útil para você de alguma maneira.

Se você ainda tiver alguma dúvida ou se algo não ficou totalmente esclarecido, por favor, deixe um comentário que irei responder o mais rápido possível.

Ou então entre em contato diretamente com o pessoal do Max Power, pois eles atendem até mesmo via WhatsApp, o que é super prático.

Como prometido, eu vou deixar o link promocional logo abaixo:

Espero de coração que este link seja tão útil para você quanto foi para mim e para meu marido.

Nós recomendamos e garantimos que esse será um divisor de águas na sua vida íntima.

Desejo toda felicidade para você. E muito sexo, também, HAHAHA.

Beijinhos e até a próxima!